Qual seu programa favorito da Record?

domingo, 27 de abril de 2008

''Chamas da Vida'' a proxima novela, investe em cenas de ação.

Rio - Não vai faltar ação em ‘Chamas da Vida’, próxima novela da Record, com estréia marcada para junho. As emoções começam logo no primeiro capítulo, com um mega-incêndio, para que os bombeiros Casé (Milhem Cortaz), Pedro (Leonardo Bricio) e Guilherme (Roger Gobeth), núcleo principal da trama, entrem em ação.
.
O acidente (ou incidente, só o desenrolar da história vai dizer) destrói a fábrica de sorvetes de Walter (Antônio Grassi) e encerra a pequena participação de Rodrigo Faro na novela. Ele faz o papel de um bombeiro que morre durante o resgate. A seqüência foi gravada semana passada na antiga fábrica Bhering, em Santo Cristo. Ao todo eram 300 pessoas no set, entre elenco, dublês, produção e 15 bombeiros de verdade, que prestam consultoria à novela. As cenas usaram também cinco carros de bombeiros de verdade, entre eles ambulâncias e viaturas d’água.
.
“Nunca vi tanto realismo, morri de medo das explosões. O fogo vinha pertinho da gente. Mas é tudo tão profissional que não corremos perigo”, conta Leonardo Brício. Para Roger Gobeth, tudo parecia uma grande brincadeira. “Para nós isso aqui é uma grande ‘bombeirolândia’, e para os soldados de verdade é moleza, já estão acostumados”, diverte-se.
.

“Vejo positivamente a estréia de ‘Chamas da Vida’, dará evidência ao nosso trabalho. O povo poderá saber melhor como é nosso dia-a-dia”, elogia o tenente-coronel Melhen, comandante do Quartel do Comando Geral. “Os bombeiros que deram suporte à gravação estavam de folga e os carros não seriam usados para socorro naquele dia”, explica Melhen.
.
Seu quase xará, o ator Milhem Cortaz — que terá seu maior papel na TV depois do capitão Fábio de ‘Tropa de Elite’ — se emociona com o que aprendeu quando visitou o Quartel do Comando Geral. “Conviver com esses caras foi uma aula de amizade, eles são muito unidos e solidários”, diz. Depois do PM do filme, Milhem se diz aliviado por trocar de farda.
.
“É maravilhoso viver a leveza desse uniforme. Eles são felizes. O policial sai para o combate, é o trabalho deles. O bombeiro salva vidas, é outra coisa”, elogia o ator. A identificação com os soldados do fogo é grande. “Quando houve um incêndio no Centro da cidade, há umas três semanas, liguei para o bombeiro que nos treinou para saber se estavam todos bem”, conta.
.
O oficial em questão é o tenente Rios, que orienta a produção de ‘Chamas da Vida’. “A produção vai representar de forma coerente nosso trabalho, desde o fardamento e os equipamentos de salvamento até o linguajar”, explica Rios, que brinca: “Eles já estão tão bem que daqui a pouco estão até ensinando por aí.”
.
''Trama de amor: Heroína''
É também no primeiro capítulo de ‘Chamas da Vida’
que vai se desenvolver uma das tramas centrais da novela: o romance entre Pedro e Carolina (Juliana Silveira). “A Carol vai à fábrica do pai buscar uma câmera, quando acontece o incêndio. Lá, ela vai reencontrar Pedro, um antigo amigo.
.
O problema é que ele está comprometido com Ivonete (Amandha Lee) e Carol, com o ‘bad boy’ Antônio (Dado Dolabella)”, adianta Juliana. A atriz está encantada com sua heroína pós-moderna. “Ela não é uma mocinha convencional. É independente e não terá vergonha de dizer na cara de Ivonete que foi para a cama com o namorado dela”.

.
Imagem: Rede Record / Fonte: O DIA - RIO

Nenhum comentário: